quarta-feira, 27 de março de 2013

Devaneios De Um Dia Solitário

Para ler esse texto ouvindo:Forever Young
As vezes eu fico brincando comigo mesma,nos dias frios e solitários,imaginando coisas que ninguém nunca imaginaria,e que qualquer que fosse o palpite passaria a kilometros de distancia da resposta certa.
Fico imaginando comigo mesma,e se eu não fosse eu?se eu não fosse uma pessoa?(nunca gostei muito de ser humana mesmo,são muitas emoções com que lidar,problemas,pessoa chata,não sou muito boa em interagir com qualquer coisa existente,desde seres humanos simpáticos até o meu próprio coração).
Eu imagino ser um animal,um golfinho,um gato,um urso,quem sabe?não...não gostaria de ser nenhum desses,ainda ia ter que viver nesse mundo cruel e cinzento,não ia dar certo.Ou talvez eu pudesse ser uma planta que sabe?uma flor,folhas,arvores,haha!!!essa é boa,nunca que eu iria ser uma planta,muito sem graça,ficar parada, imersa na paisagem,vendo o mundo progredir e sendo deixada para trás,isso não é a minha cara,sem graça,sem brilho,como uma estrela morta.
Isso!!!e se eu fosse uma estrela?seria maravilhoso,lindo, excepcional!
Primeiro,eu não teria que viver em um lugar tão repugnante como esse planeta.Segundo,é claro que eu ficaria parada um tempo todo,mais e dai?eu teria os planetas como meus brinquedos,e os veria dançar,e dançar,e dançar ...não é uma coisa que se pode cansar de ver.O sol aqueceria meu coração por mais gelado que ele estivesse.Eu teria o infinito como meu quarto,e chamaria as minhas bilhões e bilhões de amigas para brincar nele.Como decoração eu teria as galáxias e meu passatempo preferido seria ver os meteoros passando.
E se por algum motivo louco eu ficasse triste(oque acho bem difícil quando se é uma estrela)minhas lágrimas seriam  brilhos e mais brilhos,uma cena linda de se ver.
Se eu fosse uma estrela não teria que obedecer a ninguém ,seria livre.
Se eu fosse uma estrela não terai que encarar a realidade desse mundo...Mundo que me faz chorar.
Então eu abro os olhos e me desligo de meus devaneios,percebo que ainda estou no mundo real,e não sou mais uma estrela.




6 comentários:

  1. Gosto de textos relacionados a devaneios. Tipo, como vc fez. Expos tudo e depois percebeu a realidade. ;D
    bjs
    http://oicarolina.wordpress.com/

    ResponderEliminar
  2. que lindo texto amiga, melhor dizendo, que lindo devaneio... as vezes me pego imaginando coisas assim também, coisas impossíveis de se acontecer. e acho que as vezes é necessário se perder no mundo da imaginação um pouco, mesmo que por pouco tempo, e mesmo que depois quando acordar vou perceber que estou no mundo real, mas se tem algo que não podemos abrir mão é a nossa imaginação.
    bjos!

    http://barbiefriendsbrasil.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  3. Que lindo texto, acho que ninguém se senti livre completamente, sempre tem algo que nos impulsiona a ficar.
    Lembrei do meu irmão lendo esse seu texto ele ama essa música.
    beijos

    ResponderEliminar
  4. K texto lindo, Belo Post, eu amo estrelas, podemos ser o que desejarmos, eu sei que a estrela foi colocada de uma forma filosófica, isso no meu entendimento, mas acredito que quando as pessoas tem luz, somos uma estrela que nascemos para brilhar e encantar e acredito que vc seja essa estrela, pois o Dom de escrever é o dom de iluminar quem Lê tão belas Palavras, um super beijo minha querida, ameiiiii

    ResponderEliminar
  5. Adorei o texto, muito criativo!
    Beijos e parabéns pelo blog!
    http://julianafoletto.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  6. Que texto lindo! *-*
    http://sorrisosautomaticos.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar