terça-feira, 22 de dezembro de 2015

Resenha: De Volta aos Quinze

Título: De volta aos Quinze 
Autora: Bruna Vieira
Editora: Gutenberg
Número de páginas: 224

Sinopse:
Anita tem 30 anos, e sua vida é muito diferente do que ela sonhou para si. Um dia, ao reencontrar seu primeiro blog, escrito quando tinha 15 anos, algo inusitado acontece, e tudo ao seu redor se transforma de repente. Com cabeça de adulto e corpo de adolescente, ela se vê novamente vivendo as aventuras de uma das épocas mais intensas da vida de qualquer pessoa: o ensino médio. Ao procurar modificar acontecimentos, ela começa a perceber que as consequências de suas atitudes nem sempre são como ela imagina, o que pode ser bem complicado. Em meio a amores impossíveis, amizades desfeitas e atritos familiares, Anita tentará escrever seu próprio final feliz em uma página misteriosa na internet.
Como todo mundo já sabe, esse é o segundo livro da blogueira, escritora e inspiração de muitas garotas: Bruna Vieira. Lembro que quando ele foi lançado fiquei louca pra ler. A sinopse parecia promissora e a capa é a coisa mais linda né? 

Acho que a minha demora pra adquirir o livro fez com que eu me desanimasse um pouco. Quando o li esse ano já não estava mas tão ansiosa assim. Porém, depois do primeiro capitulo a coisa mudou. A Bruna Vieira conseguiu me surpreender e superar as minhas expectativas.

Acho que como estava acostumada a ler somente os contos e as crônicas da Bruna, fiquei um pouquinho apreensiva pra ver como ela se sairia em um romance. Mas olha, pra ser o seu primeiro livro com uma história concreta, ela mandou bem pra caramba!
De Volta aos Quinze não vai se tornar livro da sua vida, já adianto. Mas é uma leitura leve e descontraída. Perfeita pra dar um tempo dos livros mais dramáticos

Agora vamos falar da história. O livro nos apresenta Anita, uma mulher de 30 anos que leva uma vida bem diferente daquela que sonhou um dia. Ela não gosta de seu trabalho, perdeu o apartamento, não tem nem um relacionamento sério, não é a filha que a mãe dela sempre quis, e parece sempre estragar as coisas e  tomar as decisões erradas.
Até que um dia, após fazer um barraco no casamento de sua irmã, e perder o resto da amizade que ainda tinha com sua prima. Anita recebe um email de uma amiga, com um link de um antigo blog. Aquele era o blog que a nossa protagonista tinha na adolescência. E ao entrar nele, Anita é transportada de volta aos seus quinze anos.

''Me apoiei na cama e fechei a janela. Respirei fundo, ainda observando tudo com atenção. Então, após alguns minutos na tentativa de aceitar que aquilo estava realmente acontecendo, comecei a reconhecer aquele lugar, que era estranhamente familiar. Esfreguei meus olhos sem acreditar no que estava vendo e, ao levantar da cama, notei um reflexo no espelho. Era eu. Aquela no espelho era eu… com 15 anos!"

Ela vive novamente seu primeiro dia de aula, e consegue escapar do trauma que sofreu naquele dia. Mas ao voltar para o presente, Anita pensa que aquilo tudo não passou de um sonho. 
Uma das coisas mais legais da história, é ver quais foram as consequências das mudanças que a Anita fez no passado. Inicialmente ela percebe que já não tem tal contato no celular, ou já não é amiga de tal pessoa no Facebook. Mas quando ela nota que aquilo esta realmente acontecendo, começa a usar essas viagens no tempo a seu favor. E tenta mudar tudo aquilo que acredita estar errado na sua vida. A partir dai as consequências já vão ficando mais drásticas, uma pequena coisa que ela mudou no passado, alterou seu presente radicalmente. Seu corpo muda, seu apartamento muda, seu melhor amigo já não sabe quem ela é.

As tais viagens no tempo só vão gerando mais problemas para a protagonista. E então ela precisa voltar ao passado mais vezes para poder desfazer esses problemas. Ou seja, isso resulta em uma confusão enorme!

Parei de contar por aqui! Só digo que a apreensão aumenta a cada viagem no tempo que a Anita faz. O leitor fica louco pra saber quais serão os resultados.
Agora falando um pouquinho da aparência do livro. A ilustração linda da capa é feita por a Malipi, que arrasou! Ela é bem delicada, e tem esse tom de rosa que parece uma pintura ♥  As fontes usadas também são super fofas, e as páginas são amareladas (quem não ama páginas assim?!). O livro também tem ilustrações em algumas páginas, todas lindas.

Não posso deixar de falar de um ponto negativo do livro. A Anita, apesar de ter 30 anos, age como uma pessoa muito mais nova. As vezes é até um pouco infantil. Mas acho que é compreensível, a Bruna Vieira tem só 21 anos, e é difícil imaginar como uma pessoa de 30 anos pensa quando ainda não se passou por essa idade.

O livro também tem umas frases lindas, com as quais eu me identifiquei bastante. Vocês ainda as verão na legenda das minhas fotos no Instagram haha. 
O final dele é bem inusitado, com a vida da Anita tomando um rumo que eu não poderia imaginar. Mas o ultimo paragrafo é daqueles que te deixa com raiva e ao mesmo tempo louco pra ler a sequencia.

Essa resenha saiu maior do que eu esperava haha. Mas espero que vocês tenham curtido. 

Beijos e até o próximo post ♥

4 comentários:

  1. Já li esse livro. Gostei! A capa é uma coisa fofa! Linda demais <3

    http://www.biashermanblog.wordpress.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É linda mesmo! Um dos livros mais bonitos da minha estante :)

      Eliminar
  2. Eu sou apaixonada por praticamente tudo que se refere à Bruna, e não é para menos, já que foi por causa dela que eu tomei coragem e criei o meu blog também. Mas, infelizmente, ainda não pude ler nenhum livro dela ): espero comprá-los ou ganhá-los de presente logo!
    Adorei a resenha 💙

    Abraço,
    literarizei.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que a Bruna inspira muito todas nós blogueiras (e ela também foi um dos motivos para eu criar meu blog haha). Além disso ela é uma escritora incrível e super talentosa, você precisa ler os livros dela :)

      Eliminar