quarta-feira, 6 de junho de 2018

Resumão de Maio

Maio foi um mês bem mais o menos, do tipo em que você tenta fazer milhares de coisas e não conclui nenhuma. Foi meio parado e morno sabe? Mas juntei o que eu tinha de legal para falar/indicar e trouxe para esse resumão. Sem enrolar muito nessa introdução, já peço que me desculpem porque esse post provavelmente vai ficar longo (eu falo de mais né?).
Sabe aquela pessoa lerda? Que comenta um assunto depois que todo mundo já comentou, que vê um filme depois de saber todo o enredo, porque geral já falou sobre ele, e que lê os Best Sellers depois de se passarem anos do lançamento da adaptação para o cinema? Essa sou eu e isso é algo que já estou praticamente aceitando. Em maio pedi emprestado a um amigo o livro Se Eu Ficar da Gayle Forman. Você já conhecem a história né? Uma menina entra em coma depois de um acidente de carro e precisa ver tudo o que está se passando ao seu redor, já que, de alguma forma, sua alma (não que seja explicado assim na história) não está mais presa em seu corpo.
Confesso que já havia assistido ao longa lá em 2014, mas me lembro de pouquíssimas coisas e, sinceramente, na época eu não tinha um pingo de sensibilidade para entender histórias mais delicadas, então revê-la agora está sendo um processo diferente. Ainda não sei se farei resenha dele aqui no blog (afinal, não é nenhuma novidade), mas adianto que, mesmo com partes muito tocantes, não acho que a autora utilizou muito bem toda a carga dramática do acontecimento que é foco no livro. As ações e pensamentos da protagonista às vezes não batem com sua situação atual, fazendo com que o leitor questione os sentimentos da menina por qualquer pessoa que não seja seu namorado, e isso é um tanto quanto irritante. Mas, de qualquer forma, ainda recomendo, pois é uma boa leitura pra passar o tempo.
Imagem relacionada
Eu não sei falar sobre The Handmaid's Tale. Tentei indicá-la para umas amigas semana passada e tudo o que conseguia dizer é que a série é perfeita. Pensa em uma fotografia divina, pensa em atuações maravilhosas, pensa em um enredo de fazer o coração saltar. Então, é isso. A história, baseada no livro O Conto da Aia, de 1985, trás questões muito debatidas atualmente, como fanatismo religioso e feminismo, e as leva ao extremo, já que tudo se passa em um universo distópico. Ela nos apresenta os Estados Unidos com um novo nome, "Republica de Gileade", e lá as poucas mulheres férteis que sobraram, depois de algo que conseguiu baixar a taxa de natalidade em níveis extremos (o que acredito que será explicado melhor depois), são obrigadas a participarem de um ritual todo mês (a.k.a estupro), onde vão tentar gerar filhos para os homens mais poderosos da sociedade. Cada episódio consegue ser mais bizarro que o anterior e acredito que, principalmente se você é mulher, é impossível assistir sem sentir aquela sensação de estômago revirado. A série nos coloca para questionar muita coisa e faz pensar que sim, se um dia algum outro poder tomas as rédeas de um país, é provável que nós sejamos as primeiras a perderem os direitos.
ASSISTAM ESSA OBRA DE ARTE.
Okay, tivemos uma queda brusca de qualidade aqui, mas acho que esse filme merece uma menção. Não Se Aceitam Devoluções foi à única coisa que vi no cinema este mês e ele é bem pastelão (comédia brasileira é algo complicado). O que achei legal é que, ao contrario de muitas comédias nacionais, ele não apela para palavrões nem nada do tipo, o que o torna bem leve. Não ri por horas assistindo, até porque ele tem certa carga de drama (o que me surpreendeu), mas achei ele bem fofinho e bem família, então é algo que você escolhe para ver com o irmão mais novo ou mãe (como no meu caso haha). Esse é o típico filme que se vê para matar o tempo, e se tem uma utilidade não é de todo mal né?
Resultado de imagem para 13 reasons why season 2
13RW se tornou uma das minhas séries preferidas da vida. Quando ela surgiu no ano passado, acabou me pegando em um momento muito delicado, o que fez com que eu me identificasse com certos pontos e personagens da história, mas, mesmo assim, não queria uma segunda temporada. Okay, a segunda temporada veio e confesso que até fiquei felizinea, porque não estava pronta para dar adeus a Hannah ainda, mas olha, Ô temporada dark gente.
Eu achei que ela foi lindamente desenvolvida, não pensei que teriam mais muita coisa pra contar, mas o crescimento dos personagens fez com que narrativas paralelas a da protagonista surgissem, o que foi maravilhoso, mas confesso que fiquei um pouquinho chateada com alguns rumos que a temporada tomou. A Hannah tem sua imagem muito alterada, o que em parte a deixa mais real e em parte nos faz pensar que nunca a conhecemos, e é difícil engolir certas coisas. Além do mais, o desfecho de tudo é um tanto revoltante e nenhuma das histórias dos demais personagens é concluída. Eu espero, de verdade, que a terceira temporada (já confirmada) seja a última, não quero que desgastem uma história  que ajuda tanta gente.
Enfim, ainda recomendo que vejam essa temporada de agora, pois algumas cenas são lindíssimas e me fizeram chorar MUITO. Ah, mais fica esperto tá? Ela consegue ser ainda mais sombria que a primeira, então algumas cenas são EXTREMAMENTE pesadas e podem servir de gatilho.
Back To You, da Selena Gomez para a trilha sonora de 13RW, foi a minha música do mês! Que letra meus amigos <//3
A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e área interna
Por fim, mas não menos importante, queria dar uma dica de rolê, que não pode faltar. Nunca me interessei muito por baladas, então não é algo que imaginei indicar um dia, mas resolvi dar uma chance esse mês e conheci o Espaço Desmanche. Se você é de SP, talvez devesse dar uma passadinha lá um dia. O ambiente é muito legal e as pessoas são super de boa (ao menos quando fui não vi assédio acontecendo em nenhum canto). Sempre rolam eventos temáticos por lá, um mais criativo que o outro, e você pode conferir clicando aqui. O único ponto negativo é preço das bebidas, que são bem altos, mas acho que isso é quase lei em balada né? :/ Enfim, se estiver procurando um lugar pra sua turma toda dançar como se não houvesse amanhã, fica ai a dica.

(na foto eu e uma amiga arrasando no forró)
Espero que tenham tido a paciência de ler até aqui :) Deixem seus comentários sobre as séries e filme que falei caso já tenham assistido, ou dicas de leituras e lugares para conhecer, eu vou amar!
Um beijão ♥

2 comentários:

  1. adorei o resumo linda, super bem explicado. Adoro a série 13RW, estou bem viciadinha haha quero ver tudo logo
    http://www.mundodasmulheresbrasil.com/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assisti a segunda temporada quase sem pausas! Essa série mora no meu ♥

      Eliminar